Próstata. Quais as principais causas de câncer.

A próstata fica situada na pelve, entre a bexiga e a uretra. Acima da glândula encontra-se a sínfise púbica e mais profundamente está o reto. É esta íntima relação com o reto que permite a avaliação através do toque retal, exame realizado através da palpação digital da glândula através do canal anal.

Sua posição envolvendo a uretra prostática é fundamental para a sintomatologia associada às afeções da glândula, que acabam por dificultar o esvaziamento da bexiga.

Assim como a maioria dos tipos de tumores malignos, a causa dos tumores prostáticos não é totalmente conhecida. Sabemos hoje que existem fatores que favorecem o seu aparecimento, no entanto, o exato mecanismo e as reais chances de seu aparecimento ainda são objeto de estudo.

Grosseiramente, tumores malignos são agregados de células que perdem o controle sobre sua multiplicação. O controle da multiplicação celular está a cargo do material genético ativo no núcleo da célula, denominado DNA. Hoje classificamos genes relacionados a este processo e que estão ligados a formação de tumores em dois tipos: os proto-oncogenes e os genes supressores tumorais. Os primeiros são genes que, quando ativados, promovem a divisão celular, enquanto os últimos funcionam bloqueando a divisão celular ou destruindo células com material genético defeituoso.

Quando esses tumores sofrem mutações que causem descontrole e amplificação, no caso do proto-oncogenes, ou disfunção, no caso dos supressores, existe um ambiente propício para a formação de tumores malignos.

Algumas dessas mutações podem ser transmitidas de forma hereditária, elevando o risco de câncer em pacientes com histórico de câncer na família, no entanto, a vasta maioria ocorre de forma esporádica, como consequência do envelhecimento do aparato celular.

Existem inúmeras mutações em proto-oncogenes e genes supressores tumorais descritas, e, para complicar ainda mais, a vasta maioria dos tumores necessitam que ocorram várias mutações e genes diferentes para seu desenvolvimento.

Os principais genes ligados a formação do câncer de próstata são o RNAsel, BRAC1 e 2, MSH2, MLH1 e HOXB13.

Fatores de risco:

  • Idade

A incidência do câncer de próstata aumenta com a idade. Casos em pacientes com menos de 40 anos são raríssimos, enquanto em pacientes com mais de 80 anos pode chegar a cerca de 60%. Hoje sabemos que a ocorrência deste tumor se torna relevante após 50 anos, e é baseado nisso que recomendamos o rastreamento a partir desta idade.

  • Raça/ etnia

Com relação a raça/etnia, temos que o câncer de próstata ocorre com maior frequência e em idade mais precoce em negros. Por outro lado, asiáticos apresentam um risco menor de desenvolvimento da doença. As causas para isso ainda não estão claras, mas podem envolver herança genética e hábitos.

  • Histórico familiar

A presença de histórico familiar de câncer de próstata eleva o risco do aparecimento da doença. Isso é mais importante quando a doença se apresenta em familiares de primeiro grau, como pais e irmãos, e com idade precoce.

Existem algumas mutações genéticas que reconhecidamente predispõem ao aparecimento do câncer de próstata, no entanto, apenas um pequeno percentual de pacientes apresenta tumores relacionados a estas alterações. Nestes casos, os tumores ocorrem de forma mais precoce e comumente podemos identificar um grande número de casos numa mesma família, caracterizando a forma hereditária do tumor.

  • Geografia

O câncer de próstata é mais comum no hemisfério norte e em países ocidentais. Países em que o rastreamento é realizado de forma sistemática também apresentam mais casos da doença. Continentes como a Ásia e África tem uma incidência menor de câncer prostático. As razões para estas diferenças ainda são discutidas, mas está claro que fatores ambientais, como dieta e estilo de vida tem influência importante.

Dr José Alexandre Pedrosa – Urologista

01/09/2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nosso endereço
Fórum de Ipanema
Rua Visconde de Pirajá 351, sala 614 . Ipanema - RJ
Telefones: (21) 2267-5384 e 99246 4696
Siga-nos!