Esofagectomia, a cirurgia para remoção do esôfago.

A esofagectomia se refere à cirurgia de remoção total ou parcial do esôfago, um órgão tubular que leva o alimento da boca ao estômago.

No caso do câncer de esôfago, além do próprio esôfago com o tumor, também são retirados os tecidos e os gânglios linfáticos ao redor dele, para onde o câncer tem possibilidade de se espalhar.

Para que o paciente continue se alimentando pela boca após a cirurgia, o cirurgião cria um tubo com o estômago remanescente. Depois e faz uma ligação deste com o esôfago residual saudável no tórax ou no pescoço.

A esofagectomia pode ser realizada com cortes (incisões) no pescoço, tórax e abdome (transtorácica) ou pescoço e abdome (transmediastinal).
Existem duas formas principais de abordagem, a aberta (convencional) e a minimamente invasiva (vídeo laparoscopia). As principais vantagens desta última técnica são, além de melhor resultado estético (menores cicatrizes), menor sangramento, menos dor, menor tempo de internação hospitalar e menor incidência de complicações.

Complicações da cirurgia

Como qualquer cirurgia, a esofagectomia pode levar a complicações incluindo: pneumonia, rouquidão, refluxo esofagogástrico, arritmia cardíaca e fístula (vazamento da ligação feita entre o esôfago e o estômago).

Por se tratar de um procedimento extremamente complexo, os estudos têm demonstrado que os resultados de curto (incidência de complicações e mortalidade) e de longo prazo (tempo de sobrevivência após a cirurgia) estão diretamente relacionados à experiência do cirurgião com este tipo de procedimento.

Caso você tenha a indicação para este tipo de procedimento, procure um cirurgião oncológico com experiência nesta cirurgia.

Dr Flavio Sabino
Cirurgião de Câncer Estômago e Esôfago

drflaviosabino.com.br
31/01/2017

12 Comentários em Esofagectomia, a cirurgia para remoção do esôfago.

  • Bom dia, eu tive câncer de esôfago e fiz a cirurgia em novembro de 2014, no hospital Moinhos de Vento, com o Dr. Guilherme Mazzini.
    Foi um sucesso, porque o tumor estava em fase inicial e por ter sido operada por um médico muito competente e contar com uma equipe de primeira.
    Cada dia que acordo agradeço a oportunidade que tive de viver com qualidade após a cirurgia.
    Não posso dizer que foi simples,mas posso dizer que fazendo todos os procedimentos a gente tem êxito e pode ter uma vida considerada normal.
    Deixo aqui meu relato para que quem precise da cirurgia a faça com sucesso.
    Maria Alice

    • Obrigada pelo seu relado, Maria Alice.

    • Olá Maria Alice
      Fiz essa cirurgia há 4 meses. Se possível gostaria de trocar informações. Você poderia me passar seu e-mail.

    • Boa tarde!Quanto tempo vc ficou com essa emfermidade pra evoluir ao cancer…? Irei tbem fazer a cirurgia de esofago…tenho Mega Esofago grau 3 e ainda nao sei se desenvolveu pra cancer. Somente quando me consultar com o medico cirurgico.Agradeco se me responder!

  • Meu nome é Robson, tive um câncer de esôfago e fiz a esofagevtomia, usando o estômago como um tubo ligado a um pequeno restante do esôfago.
    Tive varias complicações pôs cirúrgicas, infecção hospitalar etc.. fiquei internado por 72 dias para combater uma endocardite/
    Felizmente consegui me recuperar e tive alta muito debilitado, saindo do hospital com 43 kl , meu peso normal é de 68 kl.
    Como já se passou quase um ano após a cirurgia estou tendo muita dificuldade em ganhar peso, cheguei a 51 kl . Isso é normal ou meu peso não será recuperado ?

  • Boa noite eu tomei clorofina(oukboa) quando era criança em uma garrafa de refrigerante ai então des de pequena achava normal comer e entalar sofri muito lembro que minha mãe me batia por comer e vomitar as vezes lembro que entalava e ficava até 3 dias sem comer ou se quer beber sofria muito aí vivi minha vida assim época boas que comia bem outra que só entalava nunca comi carne só frango muitas dores de estômago toma remédio para dor e para o estômago omeprazol e outros …e quando engravidei da minha filha eu fiquei muito doente emagreci muito cheguei a pesar 42 kilos com 5 messes meu marido me deixou eu achava k ia morrer pois nem em pé um conseguia ficar até k um dia tava muito ruim k minha tia me levou pro hospital pois estava muito mal aí lembro que quando disse k não conseguia comer a médica até riu da minha cara me encaminhou para um psicólogo fui internada em uma clínica psiquiátrica lembro que eles me mandava o comer e ficavam olhando pra ver c eu ia vomitar… Eu vomitava na mesa mesmo eles me levavam pro quanto é me diziam k c eu não comesse não ia ir pra casa tinha que engordar 10 kilos no mínimo não podia ver minha família achavao k eu nao queria minha filha tava renegando ela… Ai apareceu um anjo na minha vida uma enfermeira da noite ela ia te o quarto é me pedia para tomar um leite eu disse mais não passa e ela dizia por k não passa eu falava parece k tranca e ela dizia vamos tentar e leva leite pra mim.. lembra que até tomei e desceu uns gole aí ela me dizia que precisava comer c não eu e minha filha ia morrer aí um dia ela me disse vou pedir então uma endoscopia lembro que pedia muito para fazer eu queria provar a eles no outro dia fui fazer não pude c quer tomar anestesia por k era gestante só lembro deles dizer engoli sofri muito aí vi na tela que o burraco que passava a comida era totalmente fechado ele disse meu deus claro que ela não vai conseguir comer vcs vão matar ela… No outro dia recebi alta e fui para outro hospital lá fiz uma dilatação com velas no mesmo dia consegui comer depois de messes eu comi muito esse dia lembra que minha filha pulava na minha barriga…e a médica disse vc já tou ácido ou algo eu disse não nunca aí minha mãe veio na visita aí comentei e ela disse sim vc tomou clorofina quando tinha 2anos aí falei a médica a médica disse bahh c vc soubesse e nos vc não teria sofrido 15 anos. Bom aí comida do mesmo jeito as vezes passava outras não casei de novo tive outro filho e depois de 12 anos eu de novo intalei k nem agua passava aí fizemos 2 dilatação e nem uma teve sucesso mais de 5 mil jogados fora outro anjo apareceu na minha vida esse médico disse k ia né ajudar me deu encaminhamento para o sus uma cirurgia não deu um mês já né chamarão fiz exames e fui para cirurgia da esofagectomia tirei o esôfago faz 7 messes que vivo muito bem como pra caramba tô super bem a única coisa que me incomoda é a cicatriz ficou muito grande tenho quelóide … Mais eu tô bem isso é o importante bom esse é meu depoimento que deus abençoe a todos e nunca desistão da vida lute até o fimmm…

    • Que benção…sua história é parecida com a de meu esposo.q a cinco anos cê é engasga.ja fez vários exames…e como se tivesse tomado soda…só q nunca tomou. Ficou seteeses comendo por sonda.ja fez cirurgia de retirada de a parte do esôfago.ficou bom um tempo mas volta a engasgar…fez quatro dilatação do esôfago tanto com balão qto com vela e fica bom .mas logo volta a engasgar.agora já vez risco cirúrgico e tá aguardando a cirurgia de retirada totalmente do esôfago…estamos com muito medo

  • Fiz uma esofagectomia total e gastrectomia…em outubro de 2017…esticaram o meu estômago para fazer a reconstrução e 9 dias pós operatório veio um sangramento nos grampos…fiquei em coma e não morri pq não era minha hora, para a equipe médica não sobreviveria…fui fazer a reconstrução agora em abril e quando fizeram a abertura encontraram pontos da doença na parede do peritônio…então não poderam fazer a reconstrução com o intestino…eles iriam retirar um pedaço do intestino e colocar no lugar do esôfago…enfim, me enviaram para um oncologista para tentar a quimioterapia , para parar ou curar essa doença na parede do peritônio , para mais além fazer a reconstrução…nisso eu tenho uma jejuntomia na barriga , me alimentando com dietas enterais e suplementos…não tenho mais vida social…só em casa me alimentando e hidratando pela sonda de duas em duas horas…uso uma bolsa de ostomia no pescoço para saida da saliva…

  • OLA MINHA MAE TALVEZ VÁ FAZER A ESOFAGECTOMIA, GOSTARIA MUITO DE CONVERSAR COM VCS QUE JA FIZERAM POR FAVOR ENTRE EM CONTATO COMIGO 14 997725077 WHATS OBRIGADA

  • Ô Alexandre,sinto muito…como você está hoje?Meu marido tem 85 anos efez laringectomia total,perdeu a voz,e usa gtt,sonda pela wual se alimenta de 4 em e horas.Ele já esteve com 52kg,hoje esta com 55kg,seu peso anteriormente era 70kg.Ele pretende fazer essa cirurgia para refazer o esôfago,mas tem medo, pois é muito invasiva e de risco.
    Vamos mes que vem,dezembro ao Hospital AC Camargo para saber um pouco sobre a cirurgia.
    Espero que você estejas bem e recuperado.
    Abraço afetuoso
    Azeir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nosso endereço
Fórum de Ipanema
Rua Visconde de Pirajá 351, sala 614 . Ipanema - RJ
Telefones: (21) 2267-5384 e 99246 4696
Siga-nos!